Oficinas artísticas do SARAD contribuem para o recomeço de muitas vidas

Arte. Pequena palavra que pode ser entendida como uma habilidade dirigida para a execução de uma tarefa ou um conjunto de técnicas para a produção de objetos. Porém, no Serviço de Atenção e Referência em Álcool e Drogas (SARAD), essas quatro letras representam mais do que explicações teóricas: significam o recomeço na vida de muitas pessoas. Há cerca de dois anos, os pacientes da unidade vinculada ao Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB) participam, semanalmente, de oficinas artísticas voltadas à marcenaria, à pintura, à escrita e à confecção artesanal de enfeites e objetos de decoração. As oficinas são acompanhadas pelas Enfermeiras Mariana Vulcano Neres e Patrícia Cristina Oliveira de Moraes e pela Técnica de Enfermagem Margareth Mendes Dantas que, além de realizarem o que a pioneira da Enfermagem moderna Florence Nightingale aponta como “a mais bela das artes”, investem parte de sua rotina também para aperfeiçoar as habilidades dos pacientes, em prol da

Educação Municipal abre mais 200 vagas para creches em Botucatu

Educação Municipal abre mais 200 vagas para creches em Botucatu



O ano letivo de 2022 traz novidades na Rede Municipal de Educação. Além das mudanças das escolas Cardoso de Almeida e Rafael de Moura Campos para o período integral, quatro escolas que atendiam apenas alunos dos anos iniciais, passarão a atender também alunos da Educação Infantil.

A partir de 7 de fevereiro, as escolas Martinho Nogueira, Angelino de Oliveira, Paulo Guimarães e José Antônio Sartori, passam a ser denominadas de “EMEFEI”, Escola Municipal de Ensino Fundamental e Educação Infantil, atendendo alunos das Etapas I e II e do Ensino Fundamental Anos Iniciais. Com isso, as creches localizadas na região destas escolas (CEI José Luiz Amat, CEI Horeste Spadotto, CEI Aida Heloisa Avila e CEI Santo Calori), que tiveram seus alunos absorvidos pelas EMEFEIs, abrirão mais 200 vagas para berçário e maternal, atendendo crianças de 4 meses a 3 anos de idade.

“Após um estudo minucioso dos espaços nas quatro escolas, constatamos a possibilidade de oferecer o ensino de Educação Infantil para alunos das Etapas, com toda a segurança e conforto, sem prejuízo para o seu aprendizado. Dessa forma conseguimos oferecer mais vagas para alunos de creche, diminuindo as filas de espera”, explicou Cristiane Amorim, Secretaria Municipal de Educação.

Segundo o calendário escolar do ano de 2022, os quase 15 mil alunos, das 68 unidades escolares, entre Ensino Fundamental I e II, EJA, Educação Infantil e Educação Especial, voltam às aulas no dia 07 de fevereiro, com encerramento do ano letivo em 21 de dezembro.

De acordo com o calendário elaborado pela equipe técnico-pedagógica da SME, as atividades de planejamento, avaliação, revisão e consolidação da proposta pedagógica, serão realizadas entre os dias 2 e 4 de fevereiro, e o recesso escolar ocorrerá no período de 08 a 25 de julho de 2022.

Comentários