Começa o recapeamento da Rodovia Alcides Soares

Começou na última quarta-feira, 19, a tão esperada obra de recapeamento asfáltico da Rodovia Alcides Soares, que liga Botucatu ao distrito de Vitoriana. O recapeamento terá ao todo 12 quilômetros de extensão, desde a região do Residencial Cachoeirinha, até a chegada a Vitoriana. A obra terá supervisão do Departamento de Estradas e Rodagem, do Governo Estadual e também da Prefeitura de Botucatu, através da Secretaria de Infraestrutura. Os trabalhos estão sendo executados pelo Grupo Sanson, vencedor do processo licitatório. “Estive na obra, junto ao Secretário de Infraestrutura Rodrigo Taborda para acompanharmos o início dos trabalhos. É uma obra esperada há muito tempo pela nossa população e por isso faremos questão de acompanhar cada metro de asfalto novo para garantir que tudo seja executado da melhor maneira”, afirmou o Prefeito Mário Pardini. A expectativa é de que a obra dure 6 meses. O trânsito no local durante esse período funcionará, em alguns trechos, em esquema de “pare e sig

Trio é preso pescando envelopes de depósitos da Caixa Econômica Federal de Botucatu

Trio é rpeso pescando envelopes de depósitos da Caixa Econômica Federal de Botucatu


Três homens foram presos pela equipe da Força Tática da Polícia Militar tentando pescar envelopes de depósito dos caixas eletrônicos do banco Caixa Econômica Federal que fica na Rua Major Matheus, Vila dos Lavradores em Botucatu, na noite de quarta-feira, dia 18.

A prisão ocorreu quando a viatura patrulhava a área, e se deparou com três elementos em atitudes suspeitas dentro da agência. Durante a abordagem, os PM's perceberam que na realidade os suspeitos tentavam pescar envelopes de depósitos, utilizando para isso um instrumento especialmente preparado para a ação.

Com o trio foi encontrada uma sacola com 5 envelopes, que juntos somavam R$ 3060.00 em espécie, 2 envelopes contendo 3 cheques no valor de R$ 3685.00, além do estranho instrumento utilizado para a pesca dos envelopes do interior dos caixas.

Os meliantes não são de Botucatu e acabaram presos em flagrante. Ele foram levados à Polícia Federal de Bauru, já que a instituição bancária pertence à União, onde foi elaborado Boletim de Ocorrência.

Comentários