Pinacoteca recebe exposição “Em Volta do Tempo”, de Renata Egreja, em outubro

As telas da artista plástica paulista Renata Egreja serão a atração da programação da Pinacoteca “Fórum das Artes”, de Botucatu, a partir do dia 10 de outubro. A exposição “Em volta do tempo”, é resultado do Prêmio de Artes Visuais do ProAC LAB 2020, incentivado pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e Ministério da Cultura do Governo Federal.  Na cidade de Botucatu ela recebe o apoio das secretarias de Cultura e Educação, em parceria com o Museu Botucatu. A mostra mescla trabalhos inéditos de Egreja, apresentando 5 telas grandes sobre tela e 10 aquarelas, além da instalação imersiva “Mesa Posta” (2021), que convida o espectador a mergulhar na obra e observá-la desta perspectiva, com cores e formas sugerindo sons e movimento, propondo um estado de encantamento. A exposição, que ocupará duas salas e o átrio da Pinacoteca, faz parte de um projeto que remete a experiência de retorno à terra natal. Lugar em que a artista cresceu e agora regressa com um olhar

Caçador é preso em Anhembi com arma e apetrechos para caça de Javali

Caçador é preso em Anhembi com arma e apetrechos para caça de Javali


A Polícia Militar Ambiental de Botucatu achou suspeita a atitude do motorista de uma caminhonete Mitsubishi L200, de Torrinha e acabaram descobrindo que o condutor era na verdade um caçador clandestino e acabaram encontrando no veículo apetrechos para caça e uma arma de fogo.

A abordagem ao veículo ocorreu na estrada rural da Unidade de Conservação Barreiro Rico, na noite de sábado, 28, onde os policiais encontraram Porém, um revólver Magnum, calibre Ponto 44, com seis munições íntegras no tambor da arma, e quatro munições intactas fora do revólver, além disso havia uma rede de caça.

Para não ser preso o homem alegou que era autorizado para a caça se identificando como  controlador de Javali e apresentando o registro da arma de fogo, porém o mesmo não tinha autorização para o porte ou transporte da arma.

O condutor do veículo, bem como o material de caça foram levados ao Plantão Policial de Botucatu, onde recebeu voz de prisão e o material que ele portava foi apreendido. O homem foi enquadrado por “Porte Ilegal de Arma de Fogo” e apreensão do material bélico.

Porém ele pagou uma fiança de R$ 2 mil e foi liberado para responder ao processo em liberdade.

Comentários