Polícia Civil de Marília prende homem que comercializava drogas em condomínio

Policiais civis da Delegacia de Polícia de Investigações sobre Entorpecentes (Dise) de Marília, prenderam um rapaz, de 24 anos, por tráfico de entorpecentes, em um condomínio na zona rural da cidade, na manhã desta terça-feira (21).   Os agentes receberam a informação, de que um suspeito estava comercializando drogas nas dependências de um condomínio de prédios habitacionais, localizado na Rua Mário Bataiola.   Os agentes passaram a desenvolver as investigações e ficaram em vigilância velada, próximo ao local-alvo. Na sequência, avistaram o investigado em atitude suspeita e típica do tráfico de drogas e realizaram sua abordagem. Ele tentou fugir mais foi detido. Com ele, os agentes encontraram uma sacola que continha 93 porções de maconha, 52 pinos de cocaína, além de anotações de contabilidade do tráfico.   O homem foi autuado em flagrante por tráfico de drogas.

Sob o olhar azul #90/21


 
Noite sem encontro, Nilson cancelou.

Fiz a nova receita de drink, com morango e hortelã.


Do Brasil.


O Sinistro Queiroga saiu da CPI muito menor do que entrou, disse o jornalista Camaroti.

Liso e ensaboado, se fez de desentendido, evitou se indispor com o insano e perder o cargo.

Outro que ajoelhou, vergonhoso!


O massacre de 25 pessoas, no Rio de Janeiro, coloca o Brasil, mais uma vez, na imprensa internacional.

Sempre negativamente.


Fracasso total das políticas de segurança pública, fracasso e mais fracasso...

Meo Deeeeuuuusss!

Polícia civil combatendo o tráfico?

Ações que invadem toda a população que não tem nada a ver com isso!


Justificativa: aliciamento de menores.

Ahhhhhhh tá...

Décadas depois!


Oportunidades, educação, cultura, segurança, tudo que não tem.


Mais de 400 mil mortos na pandemia.


E as declarações do eleito sobre o vírus, abobrinhas absurdas, "guerra radiológica", mais uma vez peitando a China, nosso principal fornecedor de IFA...


Hoje, 6/5, seria o dia de eu e todos os cidadãos de Botucatu, com 60 anos, sermos vacinados.

Não tinha vacina.

O calendário não foi cumprido.

Fiquei triste.


Vi os profissionais da Unesp na tvtem, falando sobre sequenciamento genético do vírus, objetivo do estudo que vai promover a vacinação em massa.

Muito top!

Pelo menos uma boa notícia, ufa!



Sweet Dreams, Eurythmics.


Acordei tarde, preguiçosa com o friinho.


Conversei com o Diego, que estava aproveitando a folga na praia.

Lagos é um paraíso tropical em Portugal.

Saudades!


Bons dias, café da manhã, banho bem quentinho.

O braço ainda dolorido, não vou treinar.


Almoço na mamãe.

Arroz, feijão, tilápia frita, purê de batatas, sagú de abacaxi.

Ela arrasou!

Tudo estava delicioso.


fd

Assistimos o jornal, coisa que adoramos fazer, enquanto a Pretinha destruía um osso orgânico. 


Minha alma, O Rappa.


A repercussão da chacina de Jacarezinho está mostrando detalhes cada vez mais cruéis.

Podemos chamar a polícia civil, que agiu contra decisão do STF, de milícia.

Foi barbárie!


Final de semana de dia das mães.

Não bastasse as mais de 400 mil famílias enlutadas pelo covid, temos mais 25 enlutadas pela violência policial.


Haiti, Caetano Veloso.


"...mas  presos são quase todos ou

Quase pretos

Ou quase brancos, quase pretos de tão pobres

E pobres são como podres e todos sabem como se tratam os pretos..."


Triste e atual.


Em casa.


Dei de cara com o gato da vizinha fazendo bagunça nos meus temperos.

Ele é muito descarado!

Se eu gostasse de gato, tinha um.


Esfriando.

Ataque de espirros.

Corpo gelado.

Sou do verão.

Fico amuada.


"Vai passar, tu sabes que vai passar. Talvez não amanhã, mas dentro de uma semana, um mês ou dois, quem sabe? O verão está aí, haverá sol quase todos os dias, e sempre resta essa coisa chamada 'impulso vital'. Pois esse impulso às vezes cruel, porque não permite que nenhuma dor insista por muito tempo, te empurrará quem sabe para o sol, para o mar, para uma nova estrada qualquer e, de repente, no meio de uma frase ou de um movimento te surpreenderás pensando algo assim como 'estou contente outra vez'."

Caio Fernando Abreu


O Que Você Quer Saber de Verdade, Arnaldo Antunes.


"Vai sem direção

 Vai ser livre

 A tristeza não

 Não resiste

 Solte seus cabelos ao vento

 Não olhe pra trás

 Ouça o barulhinho que o tempo

 No seu peito faz

 Faça sua dor dançar

 Atenção para escutar

 Esse movimento que traz paz

 Cada folha que cair

 Cada nuvem que passar

 Ouve a terra respirar

 Pelas portas e janelas das casas

 Atenção para escutar

 O que você quer saber de verdade."


Pijama e mantinha.

Um tanto de sagú pra adoçar a "melancolia que não sai de mim, não sai..."


Aiaiai.

Amanhã vou fazer faxina e ir nadar.


Pra hoje, sopa de legumes.

Tô com preguiça de mim.


Bom final de semana e feliz dia pra todos os modelos de mãe, inclusive pros "pães".

Vivaaaasss!

 


Para reflexão.

" Somos todo

............................

Texto: Andrea Morato

Página da autora Sob o Olhar Azul

Comentários