Polícia Civil de Marília prende homem que comercializava drogas em condomínio

Policiais civis da Delegacia de Polícia de Investigações sobre Entorpecentes (Dise) de Marília, prenderam um rapaz, de 24 anos, por tráfico de entorpecentes, em um condomínio na zona rural da cidade, na manhã desta terça-feira (21).   Os agentes receberam a informação, de que um suspeito estava comercializando drogas nas dependências de um condomínio de prédios habitacionais, localizado na Rua Mário Bataiola.   Os agentes passaram a desenvolver as investigações e ficaram em vigilância velada, próximo ao local-alvo. Na sequência, avistaram o investigado em atitude suspeita e típica do tráfico de drogas e realizaram sua abordagem. Ele tentou fugir mais foi detido. Com ele, os agentes encontraram uma sacola que continha 93 porções de maconha, 52 pinos de cocaína, além de anotações de contabilidade do tráfico.   O homem foi autuado em flagrante por tráfico de drogas.

Ladrão ameaça funcionários da Casa da Agricultura e acaba preso

Ladrão ameaça funcionários da Casa da Agricultura e acaba preso


Na noite de segunda-feira um ladrão invadiu a Casa da Agricultura rendeu um vigia e passou a ameaçar funcionários com um machado, porém acabou preso pela Polícia Militar.

O Flagrante de roubo aconteceu na Rua Ranimiro Lotufo, quando o invasor se dirigiu até o carro onde estava o vigia e anunciou que iria roubar os materiais elétricos da Casa da Agricultura. O material está reservado para a reforma da Casa da Agricultura.

O que o bandido não contava é que outros funcionários ainda estavam no local e reagiram à tentativa de roubo, acuado o ladrão sacou um machado e passou a ameaçar todos os funcionários. O que ele não contava é que esses funcionários era corajosos o bastante para oferecer resistência e não se renderam às ameaças do bandido.

A polícia foi acionada e o ladrão ainda tentou fugir pulando a grade do local e correndo à p, porém foi detido pelos policiais.

Na revista pessoal os PMs Tenente Santana, Sargento Souza, Cabos R. Moreno, Hernandes, Destro e Constantino, e Soldados Resende, Cândido, Xavier e Montagnole, não encontraram nada de irregular ou ilícito, apesar disso, antes de liberar o suspeito decidiram averiguar o caminho percorrido pelo homem e acabou encontrando fios, luminárias LED e o machado, utilizado para ameaçar as vítimas.

Antes de seguir para o Plantão Policial, o suspeito foi levado até o Pronto Socorro, para atendimento médico e em seguida, já no Plantão, foi indiciado por indiciado por roubo, e está à disposição da Justiça.

Comentários