Oficinas artísticas do SARAD contribuem para o recomeço de muitas vidas

Arte. Pequena palavra que pode ser entendida como uma habilidade dirigida para a execução de uma tarefa ou um conjunto de técnicas para a produção de objetos. Porém, no Serviço de Atenção e Referência em Álcool e Drogas (SARAD), essas quatro letras representam mais do que explicações teóricas: significam o recomeço na vida de muitas pessoas. Há cerca de dois anos, os pacientes da unidade vinculada ao Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB) participam, semanalmente, de oficinas artísticas voltadas à marcenaria, à pintura, à escrita e à confecção artesanal de enfeites e objetos de decoração. As oficinas são acompanhadas pelas Enfermeiras Mariana Vulcano Neres e Patrícia Cristina Oliveira de Moraes e pela Técnica de Enfermagem Margareth Mendes Dantas que, além de realizarem o que a pioneira da Enfermagem moderna Florence Nightingale aponta como “a mais bela das artes”, investem parte de sua rotina também para aperfeiçoar as habilidades dos pacientes, em prol da

Polícia recupera moto furtada em Paraguaçu Paulista

Polícia recupera moto furtada em Paraguaçu Paulista


A Polícia Civil recuperou, nesta quarta-feira (24), uma motocicleta que havia sido furtada em Paraguaçu Paulista, encontrando o veículo foi encontrado no mesmo município do crime.

A moto foi subtraída no último dia 20 após a vítima estacioná-lo próximo ao seu local de trabalho, no Jardim Paulista. Na ocasião, os fatos foram registrados por meio da Delegacia Eletrônica, sendo o caso encaminhado para a Delegacia Sede da cidade, responsável pelas investigações.

Durante as apurações, os investigadores do distrito descobriram que um adolescente foi visto com a motocicleta furtada e se deslocaram ao imóvel do suspeito para verificar.

No local, foram recebidos pela mãe e padrasto do jovem, os quais foram informados sobre os fatos e permitiram a entrada da equipe na casa. Como resultado, o veículo produto de crime foi localizado, apreendido e restituído.

O adolescente não foi localizado no imóvel e os seus responsáveis encaminhados à delegacia para prestar esclarecimentos. Em depoimento, ambos informaram que não tinham conhecimento da procedência da motocicleta. 

A ocorrência foi registrada como ato infracional equivalente ao crime de furto e localização/apreensão e entrega de veículo, sendo encaminhada à Justiça.


Comentários