Pinacoteca recebe exposição “Em Volta do Tempo”, de Renata Egreja, em outubro

As telas da artista plástica paulista Renata Egreja serão a atração da programação da Pinacoteca “Fórum das Artes”, de Botucatu, a partir do dia 10 de outubro. A exposição “Em volta do tempo”, é resultado do Prêmio de Artes Visuais do ProAC LAB 2020, incentivado pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e Ministério da Cultura do Governo Federal.  Na cidade de Botucatu ela recebe o apoio das secretarias de Cultura e Educação, em parceria com o Museu Botucatu. A mostra mescla trabalhos inéditos de Egreja, apresentando 5 telas grandes sobre tela e 10 aquarelas, além da instalação imersiva “Mesa Posta” (2021), que convida o espectador a mergulhar na obra e observá-la desta perspectiva, com cores e formas sugerindo sons e movimento, propondo um estado de encantamento. A exposição, que ocupará duas salas e o átrio da Pinacoteca, faz parte de um projeto que remete a experiência de retorno à terra natal. Lugar em que a artista cresceu e agora regressa com um olhar

Foi pego em flagrante com tijolos de maconha e armado com uma faca no Santa Elisa

Foi pego em flagrante com tijolos de maconha e armado com uma faca no Santa Elisa


No final da manhã de ontem a Polícia Militar de Botucatu prendeu um traficante com uma faca nas mãos vendendo drogas no Jardim Santa Elisa. A captura foi feita por policiais da ROCAM (Rondas com Apoio de Motocicletas), às 11h30, na Rua Nicola Zaponi.

O relatório policial aponta que o indivíduo foi visto com uma sacola e uma faca nas mãos e quando avistou a viatura tentou fugir pulando muros, cercas e portões de várias residências. Chegando inclusive a trocar de roupa enquanto tentava fugir das motocicletas.

A equipe conseguiu abordar o fujão, em uma rua próxima de onde começou a correr, porém ele já não portava mais nenhum dos objetos que tinha em mãos, no momento em que foi avistado pelas autoridades.

Questionado sobre o que havia acontecido com a faca e a sacola, e porque havia se trocado, ele confessou que era um traficante e  apontou onde havia dispensado a faca e a sacola. Os policiais foram até o ponto indicado e encontraram na sacola um tijolo de maconha dividido ao meio.

Além disso, ele ainda apontou onde havia mais drogas escondidas, e mostrou um local em um terreno onde estava enterrado mais dois tijolos de maconha e ainda 56 porções da droga, prontas para a venda.

O traficante foi levado para a DISE (Delegacia de Investigação Sobre Entorpecentes), onde recebeu voz de prisão e foi deixado à disposição da justiça.

Comentários