Oficinas artísticas do SARAD contribuem para o recomeço de muitas vidas

Arte. Pequena palavra que pode ser entendida como uma habilidade dirigida para a execução de uma tarefa ou um conjunto de técnicas para a produção de objetos. Porém, no Serviço de Atenção e Referência em Álcool e Drogas (SARAD), essas quatro letras representam mais do que explicações teóricas: significam o recomeço na vida de muitas pessoas. Há cerca de dois anos, os pacientes da unidade vinculada ao Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB) participam, semanalmente, de oficinas artísticas voltadas à marcenaria, à pintura, à escrita e à confecção artesanal de enfeites e objetos de decoração. As oficinas são acompanhadas pelas Enfermeiras Mariana Vulcano Neres e Patrícia Cristina Oliveira de Moraes e pela Técnica de Enfermagem Margareth Mendes Dantas que, além de realizarem o que a pioneira da Enfermagem moderna Florence Nightingale aponta como “a mais bela das artes”, investem parte de sua rotina também para aperfeiçoar as habilidades dos pacientes, em prol da

Homem com cheques roubados cai bêbado em frente à delegacia em Laranjal Paulista

Homem com cheques roubados cai bêbado em frente à delegacia em Laranjal Paulista


Um homem com folhas de cheques roubadas caiu bêbado em frente da Delegacia de Polícia de Laranjal Paulista, na última sexta-feira (3).

Segundo relatou os policiais, os agentes estavam na porta da delegacia concluindo uma ocorrência, quando foram surpreendidos com a chegada de um homem que ao estacionar em frente à repartição, caiu sozinho. Os policiais foram checara situação e puderam constatar que ele estava com sinais notórios de embriaguez alcoólica, pois permaneceu por certo tempo no chão, sem conseguir se levantar.

O bêbado, foi até a delegacia para prestar esclarecimentos sobre um inquérito de roubo e de extorsão, pois haviam informações indicando que ele estaria na posse de folhas de cheques roubadas, após extorquir uma vítima.

O suspeito foi submetido ao teste etilométrico (Bafometro), que apontou concentração de 0,97mg de álcool por litro de ar alveolar, média bastante acima da mínima aceitável.

O acusado recebeu voz de prisão e, em seguida, entregou sua carteira à equipe, sendo encontrados diversos cheques de terceiros, preenchidos e assinado. Os documentos haviam sido roubados de uma residência, conforme registro elaborado pela Delegacia Seccional de Polícia de Botucatu. A vítima foi contatada e reconheceu as folhas apreendidas.

A Carteira Nacional de Habilitação (CNH) do indiciado não foi apresentada e o veículo que ele conduzia foi entregue à esposa. Após autuado em flagrante, ele teve a prisão preventiva requisitada e foi encaminhado à Cadeia Pública de Itatinga, onde permanece à disposição do Poder Judiciário.

Comentários