Oficinas artísticas do SARAD contribuem para o recomeço de muitas vidas

Arte. Pequena palavra que pode ser entendida como uma habilidade dirigida para a execução de uma tarefa ou um conjunto de técnicas para a produção de objetos. Porém, no Serviço de Atenção e Referência em Álcool e Drogas (SARAD), essas quatro letras representam mais do que explicações teóricas: significam o recomeço na vida de muitas pessoas. Há cerca de dois anos, os pacientes da unidade vinculada ao Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB) participam, semanalmente, de oficinas artísticas voltadas à marcenaria, à pintura, à escrita e à confecção artesanal de enfeites e objetos de decoração. As oficinas são acompanhadas pelas Enfermeiras Mariana Vulcano Neres e Patrícia Cristina Oliveira de Moraes e pela Técnica de Enfermagem Margareth Mendes Dantas que, além de realizarem o que a pioneira da Enfermagem moderna Florence Nightingale aponta como “a mais bela das artes”, investem parte de sua rotina também para aperfeiçoar as habilidades dos pacientes, em prol da

Quadrilha ligada ao tráfico usava tabacarias, mercado e rodoviária em Sorocaba

Quadrilha ligada ao tráfico usava tabacarias, mercado e rodoviária em Sorocaba


A Polícia Civil prendeu cinco homens, entre 19 e 31 anos, durante a operação “Made in Tráfico”, deflagrada na última sexta-feira (3) para combater o comércio de entorpecentes na cidade de Sorocaba.

Durante investigações, o Setor de Inteligência do 3º Distrito Policial da cidade identificou uma quadrilha que atuava no centro do município usando tabacarias, um mercado e a rodoviária para a prática ilícita. Além disso, as apurações indicaram que o grupo receptava mercadorias de fácil revenda como forma de pagamento

Diante dos levantamentos, mandados de prisão e de busca e apreensão foram conseguidos junto à Justiça e cumpridos ao longo da ação, resultando nas prisões e na apreensão de 12 celulares, quatro balanças de precisão, máquina de cartão, caixas com papel seda, três dichavadores, frascos de vidro vazios, anotações, faca, cigarro elétrico, 10 piteiras e R$ 450. Também foram recolhidas porções de maconha, haxixe e anfetamina.

Todo o material foi encaminhado à perícia e os detidos, após os procedimentos de polícia judiciária, encaminhados ao cárcere para permanecerem à disposição do Poder Judiciário.

Comentários