Oficinas artísticas do SARAD contribuem para o recomeço de muitas vidas

Arte. Pequena palavra que pode ser entendida como uma habilidade dirigida para a execução de uma tarefa ou um conjunto de técnicas para a produção de objetos. Porém, no Serviço de Atenção e Referência em Álcool e Drogas (SARAD), essas quatro letras representam mais do que explicações teóricas: significam o recomeço na vida de muitas pessoas. Há cerca de dois anos, os pacientes da unidade vinculada ao Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB) participam, semanalmente, de oficinas artísticas voltadas à marcenaria, à pintura, à escrita e à confecção artesanal de enfeites e objetos de decoração. As oficinas são acompanhadas pelas Enfermeiras Mariana Vulcano Neres e Patrícia Cristina Oliveira de Moraes e pela Técnica de Enfermagem Margareth Mendes Dantas que, além de realizarem o que a pioneira da Enfermagem moderna Florence Nightingale aponta como “a mais bela das artes”, investem parte de sua rotina também para aperfeiçoar as habilidades dos pacientes, em prol da

Prefeitura de Botucatu antecipará dissídio dos servidores com reajuste de 14,7%

Prefeitura de Botucatu antecipará dissídio dos servidores com reajuste de 14,7%


A Prefeitura de Botucatu encaminhará a Câmara dos Vereadores uma proposta de reajuste de 14,7% do salário e dos vales dos servidores municipais. A porcentagem está baseada na variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor, INPC, entre abril de 2020 e novembro de 2021, e, se aprovada pela Câmara, já será vigente nos vencimentos referentes ao mês de janeiro de 3 mil servidores ativos e inativos da Prefeitura.

Os valores foram tratados em reunião com os vereadores da Cidade e também com o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Botucatu, na manhã desta quinta-feira, 16.

O reajuste ocorre de forma antecipada, visto que a data base do dissídio é no mês de maio.

“Esse é mais um gesto de valorização da categoria, que com muito afinco trabalhou durante toda a pandemia para manter os serviços e atendimentos a população. Trabalho sério de uma gestão austera, que cumpre o compromisso que tem com a população”, afirmou o Prefeito Pardini.

O reajuste dos servidores municipais não será aplicado aos salários do prefeito, vice-prefeito e secretários municipais.

Com os novos valores, aproximadamente R$ 15 milhões a mais serão injetados na economia botucatuense. Desde 2017, todos os reajustes dos servidores públicos municipais oferecem a reposição da inflação e ganho real.

Após aprovação da Câmara, o projeto retorna ao Executivo para a sanção do Prefeito.

Comentários