Oficinas artísticas do SARAD contribuem para o recomeço de muitas vidas

Arte. Pequena palavra que pode ser entendida como uma habilidade dirigida para a execução de uma tarefa ou um conjunto de técnicas para a produção de objetos. Porém, no Serviço de Atenção e Referência em Álcool e Drogas (SARAD), essas quatro letras representam mais do que explicações teóricas: significam o recomeço na vida de muitas pessoas. Há cerca de dois anos, os pacientes da unidade vinculada ao Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB) participam, semanalmente, de oficinas artísticas voltadas à marcenaria, à pintura, à escrita e à confecção artesanal de enfeites e objetos de decoração. As oficinas são acompanhadas pelas Enfermeiras Mariana Vulcano Neres e Patrícia Cristina Oliveira de Moraes e pela Técnica de Enfermagem Margareth Mendes Dantas que, além de realizarem o que a pioneira da Enfermagem moderna Florence Nightingale aponta como “a mais bela das artes”, investem parte de sua rotina também para aperfeiçoar as habilidades dos pacientes, em prol da

Beira Serra percorre Anhembi, Bofete e Conchas no final de semana, em turnê

Beira Serra percorre Anhembi, Bofete e Conchas no final de semana, em turnê


Nos dias 4, 5 e 6 dezembro a Companhia Beira Serra de Circo e Teatro apresentará o espetáculo “O Pe®dido”, respectivamente, nas cidades de Anhembi, Bofete e Conchas. Todas as apresentações acontecerão às 19h, com entrada gratuita e classificação livre para todas as idades.

Em Anhembi o local da apresentação será na Rodoviária da cidade, no sábado (4); em Bofete será no Centro Olímpico, no domingo (5); e em Conchas, no Centro Educacional da cidade, na segunda-feira (6). Ainda em dezembro, a Beira Serra fará apresentações em Porangaba, Pratânia, Paranapanema e Avaré.

Em setembro, a Companhia estreou e fez uma temporada de “O Pe®dido” em Botucatu, outra temporada em São Manuel e também apresentou no 10º FACE - Festival de Artes Cênicas de Bauru, contando com centenas de espectadores. 


Januário (Fernando Vasques) quer pedir a mão de Sá Marica (Mimi Tortorella) em casamento às vésperas da festa da padroeira do vilarejo de Nossa Senhora das Dores de Cima da Serra. Receoso da moça não aceitar e também com medo da reação de Seu Tonico (Osvaldo Gazotti), pai dela, Januário pede conselhos ao amigo Zé Tobó (Murilo de Andrade), que também tem seus encantos por Sá Bina (Carolina Tieghi), prima de Sá Marica. 

Os dois vão atrás de uma poção do amor feita pela benzedeira dona Ermelinda (Regina Blanco). A partir daí se inicia uma grande e divertida confusão. O espetáculo é todo ritmado pela trilha sonora executada ao vivo por Dael Vasques.

Além do espetáculo a Beira Serra realizará oficinas de circo-teatro nas cidades, compartilhando com entusiastas das artes da cena um pouco do processo criativo dessa obra. A nova turnê pelas cidades da região é realizada através do ProAC LAB N°47/2020, que contemplou a Cia. Beira Serra com o Prêmio por Histórico de Realização em Teatro, graças a todo trabalho realizado nos últimos 7 anos.

"Esse é o fechamento de um ciclo intenso de realizações neste ano. Uma circulação que há muito tempo sonhávamos - apresentar nosso trabalho em cidades vizinhas de Botucatu. Temos uma grande expectativa de fortalecer esse nosso vínculo regional e cada vez mais percorrer essa rota com nossas produções artísticas e propostas pedagógicas", afirma Fernando Vasques, membro-fundador da Cia. Beira Serra de Circo e Teatro.


ANHEMBI
LOCAL: Rodoviária
Dia e horário: 04/12 às 19h


BOFETE
Local: Centro Olímpico
Dia e horário: 05/12 às 19h


CONCHAS
Local: Centro Educacional 
Avenida Elias Tomazela S/N - Bairro Seminário
Dia e horário: 06/12 às 19h

Comentários