Polo Cuesta inicia construção de Planejamento Estratégico para o Turismo Regional

O Consórcio Polo Cuesta, em parceria com o Instituto Jatobás, deu início à construção de um Planejamento Estratégico para o turismo. Este documento irá auxiliar os municípios da região a compreender, estruturar e integrar ações para este setor nos próximos anos. O primeiro encontro foi realizado no último dia 25 de novembro, na Fazenda dos Bambus, em Pardinho, e contou com a presença de dirigentes municipais de turismo da região, que agrega nove cidades: Anhembi, Avaré, Bofete, Botucatu, Itatinga, Paranapanema, Pratânia, Pardinho e São Manuel. “Trata-se de uma iniciativa inédita para o consórcio, que em 2021 está completando 20 anos. Estamos em um momento de transformação. Precisamos planejar para executar com sucesso todos os nossos sonhos para este setor”, diz Thiago Henrique Donini, diretor executivo do Polo Cuesta. “Queremos nos estruturar, unir e organizar como progredir, olhar os futuros possíveis e construí-los, beneficiando a nossa região. Especialmente a economia local que o

Técnica de farmácia é morta a tiros pelo ex-namorado

Vinha de feminicídio em Botucatu sofria ameaças de seu executor


Isabele Maria Vicentini, de 41 anos, foi morta a tiros pelo ex-namorado Florêncio Ferreira Nunes Neto, 45 anos, na segunda-feira (22), em sua casa na Rua Stélio Machado Loureiro, Vila Aparecida, região próxima ao Elevado bento Natel, em Botucatu.

A técnica de farmácia, Isabele foi morta com três tiros no rosto e um no tórax, após cometer o crime, o ajudante de pedreiro, Florêncio, se matou com um tiro na cabeça. O corpo da mulher foi encontrado próximo à porta da cozinha, já o corpo de Florêncio estava no quintal da mesma  residência, com um revólver Taurus calibre 32 próximo ao corpo.

A vítima do feminicídio já vinha sofrendo ameaças de seu executor, após o término do relacionamento que durou dois anos. Há cerca de dez dias, em 12 de novembro, a Polícia Militar atendeu uma ocorrência dando conta de que Isabele estava sendo feita refém pelo ex-namorado, na região da área rural conhecida como Indiana.

Isabele era funcionária da Famesp e atuava na farmácia do posto de saúde da Vila Ferroviária, ela morava com um irmão deficiente mental e deixou três filhos. O assassino morava no Jardim Itamaraty.

Florêncio Ferreira Nunes Neto



Comentários