Polo Cuesta inicia construção de Planejamento Estratégico para o Turismo Regional

O Consórcio Polo Cuesta, em parceria com o Instituto Jatobás, deu início à construção de um Planejamento Estratégico para o turismo. Este documento irá auxiliar os municípios da região a compreender, estruturar e integrar ações para este setor nos próximos anos. O primeiro encontro foi realizado no último dia 25 de novembro, na Fazenda dos Bambus, em Pardinho, e contou com a presença de dirigentes municipais de turismo da região, que agrega nove cidades: Anhembi, Avaré, Bofete, Botucatu, Itatinga, Paranapanema, Pratânia, Pardinho e São Manuel. “Trata-se de uma iniciativa inédita para o consórcio, que em 2021 está completando 20 anos. Estamos em um momento de transformação. Precisamos planejar para executar com sucesso todos os nossos sonhos para este setor”, diz Thiago Henrique Donini, diretor executivo do Polo Cuesta. “Queremos nos estruturar, unir e organizar como progredir, olhar os futuros possíveis e construí-los, beneficiando a nossa região. Especialmente a economia local que o

Mais de R$ 130 mil são apreendidos pela Polícia Civil em Tupã

Mais de R$ 130 mil são apreendidos pela Polícia Civil em Tupã


A Polícia Civil apreendeu, na última quinta-feira (11), mais de R$ 130 mil durante diligências para cumprimento de ordens judiciais no município de Tupã. Documentos e equipamentos usados para o crime também foram recolhidos para análise.

Os trabalhos foram realizados por agentes das Delegacias de Investigações Gerais (DIG) e Sobre Entorpecentes (Dise) local, que cumpriram mandados de busca e apreensão relacionados a crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e organização criminosa.

As ordens judiciais são desdobramentos da Operação Conexão, que foi deflagrada no mês de junho e, desde então, já recolheu mais de meio milhão de reais durante diligências nas regiões de Bauru e Presidente Prudente e um avião no Mato Grosso.

Como resultado das novas atividades de campo, foram apreendidos R$ 132.600,00 em espécie, notebooks, tabletes, pen drives e celulares. O dinheiro foi depositado em conta judicial e demais objetos encaminhados para perícia para auxiliar as próximas etapas da investigação.

Comentários