Pinacoteca recebe exposição “Em Volta do Tempo”, de Renata Egreja, em outubro

As telas da artista plástica paulista Renata Egreja serão a atração da programação da Pinacoteca “Fórum das Artes”, de Botucatu, a partir do dia 10 de outubro. A exposição “Em volta do tempo”, é resultado do Prêmio de Artes Visuais do ProAC LAB 2020, incentivado pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e Ministério da Cultura do Governo Federal.  Na cidade de Botucatu ela recebe o apoio das secretarias de Cultura e Educação, em parceria com o Museu Botucatu. A mostra mescla trabalhos inéditos de Egreja, apresentando 5 telas grandes sobre tela e 10 aquarelas, além da instalação imersiva “Mesa Posta” (2021), que convida o espectador a mergulhar na obra e observá-la desta perspectiva, com cores e formas sugerindo sons e movimento, propondo um estado de encantamento. A exposição, que ocupará duas salas e o átrio da Pinacoteca, faz parte de um projeto que remete a experiência de retorno à terra natal. Lugar em que a artista cresceu e agora regressa com um olhar

Deputado pede ao Estado que acelere a unificação dos boletins de ocorrência

Deputado pede ao Estado que acelere a unificação dos boletins de ocorrência


O deputado estadual Afonso Lobato foi informado, nesta semana, pela Secretaria de Segurança Pública, que a unificação dos boletins de ocorrência hoje elaborados separadamente pelas polícias civil e militar, já se encontra em estudos e deve ser adotada para simplificar o registro pelo cidadão, de crimes e outras ocorrências policiais.

O documento enviado ao parlamentar pelo delegado geral adjunto de Polícia, Eduardo Augusto Paglione, é uma resposta à Indicação n.º 2.750/2021 protocolada na Assembleia Legislativa em junho último, e a um ofício enviado à Secretaria, sugerindo a adoção da medida. Segundo, o delegado, a articulação feita por Afonso "corroborou" e agilizou as providências que vinham sendo tomadas.

Os pedidos ocorreram após Afonso ter ouvido do tenente-coronel, Ricardo Ivo Gobbo, comandante do 5º Batalhão da Policia Militar, em Taubaté, sobre a importância dessa medida. "Assumi o compromisso de acelerar essa providência que em muito beneficia a população e facilita o trabalho das polícias", disse.

Esse procedimento já é adotado em outros estados, como no Paraná e mais recentemente em Santa Catarina, comprovando ser uma prática que facilita e desburocratiza o registro do atendimento e reduz significativamente os casos de subnotificação de crimes.

"Além disso, vai evitar deslocamentos desnecessários do cidadão à delegacia, para simples registro de fato que já tenha sido atendido pela Polícia Militar, por exemplo", diz Afonso.

Comentários