Mulher envia maconha e k4 para o irmão preso na Penitenciária de Avanhandava

Agentes da Penitenciária “Valdic Junio Alves Primo” de Avanhandava apreenderam, na manhã desta quarta-feira (26), drogas escondidas em fundo falso de um pote de margarina. A encomenda teria sido enviada à unidade pela irmã de um preso. Durante vistoria realizada na presença do destinatário, a equipe localizou duas porções de maconha, pesando cerca de 16 gramas no total, e 550 pedaços de papel contendo k4, a maconha sintética. CONFESSOU Questionado pelos servidores, o detento confirmou que havia encomendado os entorpecentes com a sua irmã, que é devidamente cadastrada no rol de visitas do estabelecimento penal. A direção da Penitenciária de Avanhandava registrou boletim de ocorrência e instaurou procedimento interno para apurar o caso.

Computadores são apreendidos em Sorocaba através da operação 404

Computadores são apreendidos em Sorocaba através da operação 404


Diversos computadores foram apreendidos em um imóvel de Sorocaba, através da Operação 404, da Polícia Civil. Os equipamentos eram utilizados como uma central de conteúdo pirata. 

Apesar da apreensão do equipamento nenhuma pessoa foi encontrada no local operando as máquinas. Os computadores foram levados para análise em São Paulo.

A operação tem coordenação da Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), e foi deflagrada, na quinta-feira, dia 8,elas Polícias Civis de nove estados: Espírito Santo, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Pernambuco, Rondônia, Rio Grande do Sul e São Paulo.

Em sua terceira fase da Operação 404, tem como propósito combater crimes de pirataria digital.

Durante os trabalhos, mediante ordem judicial, 334 sites investigados, além de 94 aplicativos de compartilhamento de conteúdos digitais, foram bloqueados, suspensos ou removidos de mecanismos de buscas.

O nome da operação (404) é uma alusão ao código que indica que uma página não foi encontrada na rede mundial de computadores ou está indisponível. A ação teve a colaboração das embaixadas dos Estados Unidos e do Reino Unido no Brasil.

Comentários