Mulher envia maconha e k4 para o irmão preso na Penitenciária de Avanhandava

Agentes da Penitenciária “Valdic Junio Alves Primo” de Avanhandava apreenderam, na manhã desta quarta-feira (26), drogas escondidas em fundo falso de um pote de margarina. A encomenda teria sido enviada à unidade pela irmã de um preso. Durante vistoria realizada na presença do destinatário, a equipe localizou duas porções de maconha, pesando cerca de 16 gramas no total, e 550 pedaços de papel contendo k4, a maconha sintética. CONFESSOU Questionado pelos servidores, o detento confirmou que havia encomendado os entorpecentes com a sua irmã, que é devidamente cadastrada no rol de visitas do estabelecimento penal. A direção da Penitenciária de Avanhandava registrou boletim de ocorrência e instaurou procedimento interno para apurar o caso.

Pedreiro foi espiar uma adolescente no banho e acabou preso

Pedreiro foi espiar uma adolescente no banho e acabou preso


No final da tarde de quarta-feira, por volta das 16h40, a Polícia Militar prendeu um pedreiro de 51 anos, que foi flagrado espionando uma adolescente de 17 anos tomando banho, na região da Cohab 6 (conjunto habitacional Dr. Antônio Delmanto).


A viatura policial atendeu a ocorrência após ter sido acionada por familiares da jovem e ao chegar ao imóvel o pai da jovem estava em pé ao lado do suspeito que se encontrava sentado, esperando os policiais.


O pedreiro acabou confessando o crime e explicou aos policiais que havia ido buscar um balde de água para uma construção, quando visualizou a jovem nua tomando banho, então, achou que seria uma boa ideia entrar na casa pela porta da cozinha e ficar ali, observando ela finalizar o banho, espiando a adolescente nua.


O pedreiro foi contratado pela família da jovem há cerca de 10 dias, e era responsável por finalizar o muro da residência, entretanto se aproveitou do momento em que a menor estava sozinha na residência para espionar o interior do banheiro por uma fresta da porta entreaberta, do banheiro.


Percebendo que estava sendo espionada a adolescente, conseguiu se proteger e ainda deteve o pedreiro em pleno ato.


Os policiais deram voz de prisão em flagrante ao pedreiro, por crime contra a dignidade sexual e importunação sexual. Ele foi levado à cadeia de Itatinga, onde permanece à disposição da justiça.

Leia Também




Comentários