Mulher envia maconha e k4 para o irmão preso na Penitenciária de Avanhandava

Agentes da Penitenciária “Valdic Junio Alves Primo” de Avanhandava apreenderam, na manhã desta quarta-feira (26), drogas escondidas em fundo falso de um pote de margarina. A encomenda teria sido enviada à unidade pela irmã de um preso. Durante vistoria realizada na presença do destinatário, a equipe localizou duas porções de maconha, pesando cerca de 16 gramas no total, e 550 pedaços de papel contendo k4, a maconha sintética. CONFESSOU Questionado pelos servidores, o detento confirmou que havia encomendado os entorpecentes com a sua irmã, que é devidamente cadastrada no rol de visitas do estabelecimento penal. A direção da Penitenciária de Avanhandava registrou boletim de ocorrência e instaurou procedimento interno para apurar o caso.

Caminhão escondia 800 quilos de maconha entre mudas de plantas

Caminhão escondia 800 quilos de maconha entre mudas de plantas


Um caminhão abordado pela Polícia Rodoviária de Botucatu, escondia entre mudas de plantas 1.470 tijolos de maconha, totalizando 800 quilos do entorpecente.

A abordagem do caminhão F-4000, ocorreu por volta das 17 horas, durante fiscalização de rotina no Km 256, da Rodovia Marechal Rondon, região próxima ao pedágio, no sentido interior-capital (sentido leste). A busca no veículo foi motivada pelo nervosismo do motorista, que apresentou várias versões sobre a viagem.

Na busca, a equipe formada pelo Sargento Aurélio, Cabo Tamyres e Soldados Carrara e Pelares, encontrou a droga escondida dentro de latas no compartimento de carga do veículo.

O condutor, um homem de 31 anos relatou à polícia que quando pegou o caminhão, em Iacri (SP), o veículo já estava carregado, e tinha como destino a cidade de São Paulo, capital. Os tijolos de maconha foram apreendidos e o motorista foi preso em flagrante por tráfico de drogas.

O motorista foi preso em flagrante por tráfico de drogas, e os tijolos de maconha foram apreendidos.



Comentários