Polícia Civil de Marília prende homem que comercializava drogas em condomínio

Policiais civis da Delegacia de Polícia de Investigações sobre Entorpecentes (Dise) de Marília, prenderam um rapaz, de 24 anos, por tráfico de entorpecentes, em um condomínio na zona rural da cidade, na manhã desta terça-feira (21).   Os agentes receberam a informação, de que um suspeito estava comercializando drogas nas dependências de um condomínio de prédios habitacionais, localizado na Rua Mário Bataiola.   Os agentes passaram a desenvolver as investigações e ficaram em vigilância velada, próximo ao local-alvo. Na sequência, avistaram o investigado em atitude suspeita e típica do tráfico de drogas e realizaram sua abordagem. Ele tentou fugir mais foi detido. Com ele, os agentes encontraram uma sacola que continha 93 porções de maconha, 52 pinos de cocaína, além de anotações de contabilidade do tráfico.   O homem foi autuado em flagrante por tráfico de drogas.

2.500 voluntários apoiarão na vacinação em massa em Botucatu

2.500 voluntários apoiarão na vacinação em massa em Botucatu

A Prefeitura de Botucatu e a Justiça Eleitoral estão organizando um verdadeiro exército de voluntários para a realização da vacinação em massa no Município, que acontece neste domingo, 16.

Do contingente de voluntários, 1.300 são profissionais da Secretaria Municipal de Saúde, 400 são servidores das demais secretarias da Prefeitura e voluntários da sociedade civil, e cerca de 800 cidadãos botucatuenses que já atuam nas eleições do Cartório eleitoral.

Todos os voluntários irão participar de treinamentos, com orientações que vão desde o acolhimento do cidadão no posto de vacinação, verificação de documentos, preenchimento de formulários, orientação de local e a vacinação propriamente.

Todos os participantes da vacinação em massa se inscreveram voluntariamente para este momento histórico do Município.

A vacinação em massa dos botucatuenses faz parte de um projeto de estudo da vacina produzida pelo laboratório Astrazeneca, Universidade de Oxford e Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), elaborado pela parceria entre a Prefeitura, Ministério da Saúde, Governo Federal, Unesp, Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu, e Fundação Gates.

Comentários