Polo Cuesta ampliará interesses em comum dos municípios

Consórcio Polo Cuesta, antes apenas dedicado ao Turismo, passará a ser multifinalitário e com foco ainda maior no desenvolvimento regional essa decisão foi tomada em assembleia realizada nesta sexta-feira (15), no auditório Cyro Pires da Prefeitura de Botucatu, quando membros aprovaram a mudança de finalidade do consórcio. Até então, o consórcio era unifinalitário, ou seja, atendia exclusivamente a um único interesse: no caso, o turístico. Com a mudança para consórcio multifinalitário, todos os municípios envolvidos poderão atuar juntos em diferentes áreas de interesse comum. “Acreditamos que essa mudança irá atender melhor aos interesses das cidades, ajudando as administrações municipais a tratarem de forma mais efetiva os desafios em comum de todos. Seja no meio ambiente, na saúde, na infraestrutura e outras áreas, nas quais serão criadas câmaras técnicas. Isso não quer dizer que o turismo será deixado de lado. Pelo contrário. Pensar o desenvolvimento regional fortalecerá ainda mais

Ecofalante: a plataforma gratuita que oferece filmes para professor usar em aula on-line

A plataforma gratuita Ecofalante oferece filmes para que professores utilizem em aulas on-line e isso é muito importante nesse momento em que estar em casa afetou completamente a maneira como o conteúdo pedagógico é organizado e dIficulta a participação de alunos em aulas com câmeras ligadas.

Com curadoria da Mostra Ecofalante de Cinema, os 130 filmes disponíveis abordam questões como mudança climática, questões socioambientais, saúde, trabalho, entre outras.


A plataforma surgiu neste contexto de pandemia e como um reflexo desse aumento de demanda. Para usar a ferramenta é necessário que o educador faça um cadastro na própria Ecofalante Play vinculando a instituição de ensino onde atua. Assim é possível ter acesso ao catálogo e agendar sessões.

A inserção de filmes para discutir diferentes assuntos tende ser cada vez mais presentes nas dinâmicas de aulas. Quem já passou por todo o catálogo das já conhecidas plataformas, agora pode optar por um novo serviço gratuito de streaming com filmes selecionados para o professor adotar em programas educacionais. Trata-se do Ecofalante Play.

Entre os filmes disponíveis estão “Obrigado, Chuva”, de Julia Dahr, que acompanha a história do agricultor Kisilu e como ele usou sua câmera para registrar os impactos das mudanças climáticas na vida de sua família e de sua comunidade. O catálogo também traz o “A Era das Consequências”, documentário que mostra os impactos das mudanças climáticas em conflitos ao redor do mundo, pela ótica da Segurança Nacional norte-americana.

Alguns dos títulos também abordam povos tradicionais, como é o caso do “Amazônia Sociedade Anônima”, de Estevão Ciavatta que aponta como o cacique Juarez Saw Munduruku e índios ribeirinhos enfrentaram máfias no combate ao roubo de terras e desmatamento ilegal.

O projeto está vinculado ao Ecofalante Universidades que visa trazer ao ambiente educacional filmes de teor socioambiental e promover reflexões e debate sobre a realidade brasileira.

Comentários