Traficantes são presos no Santa Elisa no portão da boca de fumo

Uma dupla de traficantes foi presa na noite de ontem, no portão da boca de fumo do Santa Elisa, com maconha, crack, cocaína e dinheiro. A captura dos marginais foi feita por Policiais da Força Tática da Polícia Militar, que avistaram os dois suspeitos ao longe e perceberam que um deles ao avistar a viatura correu para o fundo do imóvel. Enquanto um dos policiais abordava um dos indivíduos no portão, o outro agente da lei conseguiu identificar que o segundo suspeito jogou uma sacola no próprio quintal. Ao verificar o que havia na sacola, os policiais não ficaram surpresos ao constatar que trata-se de 66 porções de crack prontas para a venda. Na busca pessoal os agentes encontraram com um dos traficantes mais 5 porções de crack, 3 porções de maconha, uma porção de cocaína, além de R$ 222 em dinheiro.  A dupla recebeu voz de prisão e foram conduzidos ao Plantão Policial onde foi confeccionado um Boletim de Ocorrência (B.O)  como tráfico de drogas. A dupla agora está presa à disposição

Acordo entre Sebrae e MEC beneficiará docentes e estudantes




O Sebrae e o Ministério da Educação, por meio da Secretaria de Educação Básica (SEB) e da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC), formalizaram nesta quinta-feira (15) acordo de cooperação técnica para o desenvolvimento da Jornada de Formação em Empreendedorismo na Educação Formal.

A iniciativa busca fomentar a cultura empreendedora nas escolas por meio de ações coordenadas com foco em quatro grandes frentes: Empreendedorismo inovador no Ensino Profissional e Técnico; Formação e valorização de profissionais da educação e de estudantes; Fomento a ações de PD&I com foco no desenvolvimento territorial e realização do Prêmio Nacional de Educação Empreendedora.

O lançamento do projeto, que será implementado no âmbito dos conteúdos da base nacional comum curricular, foi acompanhado online por milhares de educadores, gestores escolares e estudantes do país.

Na mesa de abertura, o ministro da Educação, Milton Ribeiro, agradeceu o empenho do Sebrae e destacou a importância da educação profissional para o Governo: “Hoje concluímos um grande passo que se dá rumo a oportunizarmos aos estudantes de educação pública, condições para que caminhem com seus próprios pés”.

O ministro se mostrou entusiasmado com a assinatura do acordo, sobretudo com a possibilidade de construir modelos de governança regionais para formar um ambiente propício à inovação.

Por sua vez, o presidente do Sebrae, Carlos Melles, destacou a atenção e prioridade do Sebrae com a educação, sobretudo no que diz respeito à formação intelectual, profissional e moral dos jovens brasileiros.

“O Sebrae vai contribuir fortemente com a postura de sair da teoria para a prática, com a principal forma de desenvolvimento do ser humano, que é a educação. Juntos estamos fazendo aqui o Sebrae que o Brasil precisa”. Melles também registrou a pretensão de chegar a 25% dos professores da educação básica pública.

Na sequência, Bruno Quick, diretor técnico do Sebrae, integrou a mesa com o Secretário Adjunto de Educação Básica do MEC, Mauro Rabelo; e o Secretário de Educação Profissional e Tecnológica do MEC, Wandemberg Venceslau.

Rabelo celebrou a assinatura do acordo de cooperação técnica destacando a sinergia entre as organizações para a Jornada. Quick, por sua vez, afirmou que a clara e objetiva atitude demonstrada pela liderança do MEC é essencial para o sucesso de uma iniciativa da magnitude da Jornada.

“Essas duas Secretarias concretizam a maior prioridade do Sistema Sebrae. Enxergamos a educação empreendedora como uma jornada que favorece o desenvolvimento de competências socioemocionais e empreendedoras que permitirão aos estudantes tomar decisões assertivas para o seu projeto de vida e de carreira. Essa é a educação conectada com o mundo real, com o mundo do trabalho e dos negócios”, assinalou o diretor. A Jornada tem como foco - principalmente - estudantes do ensino médio técnico e tecnológico.

“Os 39 milhões de alunos da rede de educação básica pública serão os grandes agentes de transformação do Brasil. Nossa meta por meio da Jornada é termos a ativa participação de pelo menos 4 milhões de estudantes brasileiros”, encerrou o secretário Wandemberg Venceslau.

Sebrae e a Cultura Empreendedora

O Sebrae promove a cultura empreendedora há 47 anos e, no Brasil, é uma das instituições precursoras do empreendedorismo nas escolas, trabalhando com esse conteúdo de forma interdisciplinar no processo de formação de estudantes e, mais recentemente, com a capacitação de professores e gestores escolares. Por meio de soluções em diferentes formatos, o Sebrae difunde conteúdos e práticas de empreendedorismo que extrapolam a esfera do negócio e se aplicam à tomada de decisão das pessoas em relação aos seus projetos de vida pessoal e profissional.

Fonte Agência Sebrae de Notícias

Comentários