Traficantes são presos no Santa Elisa no portão da boca de fumo

Uma dupla de traficantes foi presa na noite de ontem, no portão da boca de fumo do Santa Elisa, com maconha, crack, cocaína e dinheiro. A captura dos marginais foi feita por Policiais da Força Tática da Polícia Militar, que avistaram os dois suspeitos ao longe e perceberam que um deles ao avistar a viatura correu para o fundo do imóvel. Enquanto um dos policiais abordava um dos indivíduos no portão, o outro agente da lei conseguiu identificar que o segundo suspeito jogou uma sacola no próprio quintal. Ao verificar o que havia na sacola, os policiais não ficaram surpresos ao constatar que trata-se de 66 porções de crack prontas para a venda. Na busca pessoal os agentes encontraram com um dos traficantes mais 5 porções de crack, 3 porções de maconha, uma porção de cocaína, além de R$ 222 em dinheiro.  A dupla recebeu voz de prisão e foram conduzidos ao Plantão Policial onde foi confeccionado um Boletim de Ocorrência (B.O)  como tráfico de drogas. A dupla agora está presa à disposição

Começa hoje a campanha de Vacinação contra a pólio em Botucatu



A Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e a Campanha Nacional de Multivacinação para Atualização da Caderneta de Vacinação das crianças e adolescentes menores de 15 anos de idade serão realizadas a partir dessa segunda-feira, 05, até o próximo dia 30 de outubro.

As vacinas estão disponíveis em todas as Unidades de Saúde do Município no período da campanha das 8 às 17 horas. No sábado, 17 de outubro, ocorre o dia “D” de divulgação e mobilização nacional.

Todos os postos de vacinação seguirão às diretrizes sobre distanciamento social, considerando a capacidade do sistema de saúde em realizar de forma efetiva uma campanha de vacinação em massa segura e com qualidade, no contexto da pandemia em curso.

As ações têm como objetivos reduzir o risco de reintrodução do poliovírus no país, oportunizar o acesso às vacinas, atualizar a situação vacinal, aumentar as coberturas vacinais e homogeneidade, diminuir a incidência das doenças imunopreveníveis e contribuir para o controle, eliminação ou erradicação dessas doenças.

O objetivo da Campanha Nacional de Vacinação Contra a Poliomielite é vacinar as crianças de um ano a menor de cinco anos de idade. Em Botucatu, 6.609 crianças de 1 a 4 anos 11 meses 29 dias deverão ser vacinadas indiscriminadamente com a Vacina Oral Poliomielite (VOP – “gotinha”), desde que já tenham recebido as três doses de Vacina Inativada Poliomielite (VIP) do esquema básico.

Já a Campanha de Multivacinação para Atualização da Caderneta de Vacinação da Criança e do Adolescente é uma estratégia que tem a finalidade de atualizar a situação vacinal de crianças e  adolescentes menores de 15 anos de idade (14 anos, 11 meses e 29 dias), de acordo com as indicações do Calendário Nacional de Vacinação.

O grupo alvo desta atualização vacinal é a população não vacinada ou com esquemas incompletos, menores de 15 anos de idade (14 anos, 11 meses e 29 dias) de acordo com o Calendário. Estima-se que em Botucatu existam 21.769 adolescentes menores de 15 anos.

Precauções gerais

Em doenças febris agudas, moderadas ou graves, recomenda-se adiar a vacinação até a resolução do quadro com o intuito de não se atribuir à vacina as manifestações da doença (diarreias graves e vômitos intensos, adiar a vacinação até a resolução do quadro).

Contra indicações

São consideradas contraindicações gerais para qualquer vacina: anafilaxia (alergia grave) a qualquer um dos componentes de uma vacina ou após uma dose anterior da mesma; imunodepressão e gravidez.

Mais informações:

Secretaria Municipal de Saúde - Rua Major Matheus, 7, Vila dos Lavradores

Telefone: (14) 3811-1100

Comentários