Mulheres indígenas chegam na reta final da caminhada de 2.000 km pela Argentina

Mulheres indígenas chegam na reta final da caminhada de 2.000 km pela Argentina, isso é importante pois grupos de mulheres indígenas do país empreendem uma caminhada desde o dia 14 de março em direção à cidade de Buenos Aires. Elas chegarão no dia 22 de maio na capital federal, dia da plurinacionalidade dos territórios. Para o bloco sul, a caminhada total será de cerca de 1.900km, e, para o bloco norte, 1.200km, segundo estimativas recentes das ativistas. Também partiram grupos do leste e oeste do país, reunindo mulheres de diferentes nações indígenas. "Caminhamos para propor que o terricídio seja considerado um crime de lesa humanidade e lesa natureza", afirmam, em comunicado. "Sabemos que não é o melhor momento para sair dos territórios. No entanto, se ficamos em casa, continuam nos matando." O conceito de terricídio foi criado pelo movimento de mulheres indígenas para englobar as diversas formas de assassinato das formas de vida. Trata-se de feminicídio, ecocídio

A origem e o significado dos filtros dos sonhos


A origem e o significado dos filtros dos sonhos estão relacionados com a tribo indígena da América do Norte, Ojibwa ou Chippewa. Os nativos acreditavam que os Dream Catcher  (inglês) tinham o poder de bloquear sonhos e espíritos negativos noturnos.

A armadilha astral bastante difundida entre os xamãs, precisa ficar pendurado onde bata os primeiros raios de sol e próximo à pessoa, ou local a serem protegidos. A lógica é que o amuleto deixe passar os sonhos em uma abertura central enquanto os pesadelos e energias negativas ficam bloqueados na teia que margeia esse orifício.

O sol limpa o filtro queimando a energia negativa e purificando o amuleto para a noite seguinte.
Os filtros dos nativos americanos tinham características próprias, como o  aro circular feito da vara de salgueiro-chorão, no Brasil, em alguns casos, a vara foi substituída pelo cipó.

Esse aro era revestido com finas tiras de couro e representa a eternidade, o sol, enfim, o círculo da vida.

A alma é representada pela teia. Suas linhas entrelaçadas em formas geométricas simbolizam nossas escolhas e o caminho formado por nossas decisões. É a simbologia do livre arbítrio e das nossas relações no mundo.

O orifício que fica no centro da peça é a força do universo, o milagre da criação do mundo o eu.
Todo filtro dos sonhos precisa ter uma pena ela é a representatividade do ar, respiração a própria vida.

O interessante desse amuleto é a possibilidade de personalização e por esse motivo é sempre interessante encomendar o seu filtro dos sonhos com algum artesão conhecido.

Por exemplo as penas da coruja feminina simbolizam a sabedoria, enquanto a pena da águia masculina representa a coragem. Já a pena do beija-flor estimula a busca pela doçura e a alegria de cada situação, cisne conduz a  estados alterados de consciência e de desenvolvimento das capacidades intuitivas. Lembrando que esses são apenas alguns exemplos
.
Além das penas, adicionar objetos pessoais tornam as ações dos filtros ainda mais pessoais e particulares. É importante lembra que os filtros recebem diferentes nomes, entre os principais: Teia dos Sonhos, Apanhador de Sonhos, Caçador de Sonhos, Espanta Pesadelos e Catasonhos.



Comentários