Traficantes são presos no Santa Elisa no portão da boca de fumo

Uma dupla de traficantes foi presa na noite de ontem, no portão da boca de fumo do Santa Elisa, com maconha, crack, cocaína e dinheiro. A captura dos marginais foi feita por Policiais da Força Tática da Polícia Militar, que avistaram os dois suspeitos ao longe e perceberam que um deles ao avistar a viatura correu para o fundo do imóvel. Enquanto um dos policiais abordava um dos indivíduos no portão, o outro agente da lei conseguiu identificar que o segundo suspeito jogou uma sacola no próprio quintal. Ao verificar o que havia na sacola, os policiais não ficaram surpresos ao constatar que trata-se de 66 porções de crack prontas para a venda. Na busca pessoal os agentes encontraram com um dos traficantes mais 5 porções de crack, 3 porções de maconha, uma porção de cocaína, além de R$ 222 em dinheiro.  A dupla recebeu voz de prisão e foram conduzidos ao Plantão Policial onde foi confeccionado um Boletim de Ocorrência (B.O)  como tráfico de drogas. A dupla agora está presa à disposição

A origem e o significado dos filtros dos sonhos


A origem e o significado dos filtros dos sonhos estão relacionados com a tribo indígena da América do Norte, Ojibwa ou Chippewa. Os nativos acreditavam que os Dream Catcher  (inglês) tinham o poder de bloquear sonhos e espíritos negativos noturnos.

A armadilha astral bastante difundida entre os xamãs, precisa ficar pendurado onde bata os primeiros raios de sol e próximo à pessoa, ou local a serem protegidos. A lógica é que o amuleto deixe passar os sonhos em uma abertura central enquanto os pesadelos e energias negativas ficam bloqueados na teia que margeia esse orifício.

O sol limpa o filtro queimando a energia negativa e purificando o amuleto para a noite seguinte.
Os filtros dos nativos americanos tinham características próprias, como o  aro circular feito da vara de salgueiro-chorão, no Brasil, em alguns casos, a vara foi substituída pelo cipó.

Esse aro era revestido com finas tiras de couro e representa a eternidade, o sol, enfim, o círculo da vida.

A alma é representada pela teia. Suas linhas entrelaçadas em formas geométricas simbolizam nossas escolhas e o caminho formado por nossas decisões. É a simbologia do livre arbítrio e das nossas relações no mundo.

O orifício que fica no centro da peça é a força do universo, o milagre da criação do mundo o eu.
Todo filtro dos sonhos precisa ter uma pena ela é a representatividade do ar, respiração a própria vida.

O interessante desse amuleto é a possibilidade de personalização e por esse motivo é sempre interessante encomendar o seu filtro dos sonhos com algum artesão conhecido.

Por exemplo as penas da coruja feminina simbolizam a sabedoria, enquanto a pena da águia masculina representa a coragem. Já a pena do beija-flor estimula a busca pela doçura e a alegria de cada situação, cisne conduz a  estados alterados de consciência e de desenvolvimento das capacidades intuitivas. Lembrando que esses são apenas alguns exemplos
.
Além das penas, adicionar objetos pessoais tornam as ações dos filtros ainda mais pessoais e particulares. É importante lembra que os filtros recebem diferentes nomes, entre os principais: Teia dos Sonhos, Apanhador de Sonhos, Caçador de Sonhos, Espanta Pesadelos e Catasonhos.



Comentários