Mulheres indígenas chegam na reta final da caminhada de 2.000 km pela Argentina

Mulheres indígenas chegam na reta final da caminhada de 2.000 km pela Argentina, isso é importante pois grupos de mulheres indígenas do país empreendem uma caminhada desde o dia 14 de março em direção à cidade de Buenos Aires. Elas chegarão no dia 22 de maio na capital federal, dia da plurinacionalidade dos territórios. Para o bloco sul, a caminhada total será de cerca de 1.900km, e, para o bloco norte, 1.200km, segundo estimativas recentes das ativistas. Também partiram grupos do leste e oeste do país, reunindo mulheres de diferentes nações indígenas. "Caminhamos para propor que o terricídio seja considerado um crime de lesa humanidade e lesa natureza", afirmam, em comunicado. "Sabemos que não é o melhor momento para sair dos territórios. No entanto, se ficamos em casa, continuam nos matando." O conceito de terricídio foi criado pelo movimento de mulheres indígenas para englobar as diversas formas de assassinato das formas de vida. Trata-se de feminicídio, ecocídio

Minha sorte é narcisista


Vivo um certo caos...
Uma desordem de ordem íntima e pouco social
Descobri dias desses, que minha sorte é temperamental!
Tem ego grande; é um tanto narcisista
É de pouca confiança, acho até que me dei bem.

Fique em seu próprio umbigo
Passo a te ignorar. Apareça quando der, será bem vinda
Deixa eu trabalhar, que a vida não aplaude os estagnados



Hoje me liberto do sentimento da sorte e me entrego à lavoura da alma
Plantarei e receberei, sem sorte para me subverter
Os resultados que almejo alcanço no grito, no brado, na luta foco no caminho e o espelho?
Bem! Deixo ao narciso e sua sorte



Comentários