Exposição “Birds na Pina - Aves de Botucatu” já está aberta para visitação

A exposição de fotografias “Birds na Pina” já está aberta ao público. Os visitantes poderão contemplar imagens de cerca de 70 espécies de aves que vivem em Botucatu, registradas por diversos fotógrafos. Promovida pela Secretaria Adjunta de Turismo, a exposição oferece aos seus visitantes experiências interessantes, como uma mostra de comedouros caseiros, vídeos sobre o tema e cantos de aves disponíveis no espaço audiovisual, jogo da memória exclusivo, painéis sobre os biomas locais e tótens de pássaros gigantes. Quem passar por lá também poderá vivenciar a experiência de entrar em uma gaiola humana, e participar de oficinas, passarinhadas, rodas de conversa, visitas guiadas, contações de histórias e encontros com os fotógrafos e outros convidados. No próximo sábado, dia 30, às 11h30, no espaço da exposição, será feito o lançamento do “Guia de aves da Demétria 2”, de Gersony Jovchelevich, que apresenta 76 novas espécies locais, todas ilustradas com fotos e breves informações para facil

Minha vida em trilha sonora

Acho extremamente difícil relacionar datas com acontecimentos e, com a passagem dos anos, e a idade aumentando passamos a achar cada vez mais complicado relembrar fatos ocorridos no passado.

Para exercitar o cérebro, e puxar as boas lembranças tenho um truque; recorro à música. Uma boa playlist é uma verdadeira máquina do tempo, consigo recordar detalhes de fatos que de outra forma não conseguiria.


Os técnicos sem dúvida irão teorizar, e tentar quebrar essa magia proporcionada pelas canções tentando justificar o fenômeno com a capacidade de estabelecer relação de nossa mente, mas ainda prefiro pensar como máquina do tempo.

O engraçado é que em minha playlist se encontram músicas que na época, eu nem gostava tanto ou fazia tipo e dizia que não curtia. Estão alí simplesmente por estarem relacionadas à acontecimentos que quero manter próximos.

Não sei se é só comigo, mas quanto mais os anos passam menos canções novas entram nessa playlist. Será que isso mostra que deixamos de propcur por canções novas, ou pior... Tentamos viver no passado?

Comentários